Ao fugir de uma abordagem da Polícia Militar (PM), um motorista não pensou que seu ato poderia provocar uma tragédia na madrugada desta quinta-feira (27) em Santa Felicidade, em Curitiba, e foi justamente o que aconteceu. Em alta velocidade, ele capotou o Gol que dirigia e um dos passageiros morreu ao cair para fora do veículo e ser atingido pelo carro. O motorista e uma mulher ficaram feridos.

+Leia mais! Em possível crise de ciúmes, rapaz mata o namorado no Alto Boqueirão

O acidente aconteceu por volta das 3h, na Rua Professor Francisco Zardo, depois que o motorista não acatou ao pedido de uma equipe da PM enquanto passava pela Avenida Manoel Ribas. Os policiais o seguiram e ele, em alta velocidade, acabou provocando o acidente.

acidente1

Sem conseguir controlar o carro, o rapaz bateu num poste, o Gol rodou e capotou. Nisso, um dos ocupantes, que provavelmente estaria sem cinto conforme avaliação da polícia, foi ejetado pela janela , atingido pelo veículo e morreu atropelado.

Viu essa? Brasileira que apanhou do ex nos EUA diz “Não vou esconder as marcas”. Veja como ela ficou!

O motorista e uma passageira foram socorridos pelo Siate e encaminhados ao Hospital do Trabalhador (HT). Segundo os bombeiros, ele teve uma fratura e a mulher não chegou a ter ferimentos graves.

Aos policiais causou estranheza o fato de o rapaz tentar fugir da abordagem, pois a documentação do veículo estava em dia e ele não tinha sequer antecedentes criminais. Em entrevista à RPCTV, o tenente Rodrigo Cruz, da PM, disse que provavelmente estaria embriagado. “Possivelmente, por questão de bebida, quiseram fugir da equipe policial e acabou ocorrendo essa tragédia com uma morte”, lamentou o PM.

acidente4

Leia também! Mulher morre de hemorragia após vários estupros. Suspeito tentou se matar ao ver a polícia

Depois de receber alta, o rapaz que fugiu da abordagem deve ser encaminhado à Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran). A Polícia Civil deve apurar o que de fato motivou que ele fugisse. O corpo do rapaz morto foi recolhido pelo Instituto Médico-Legal (IML).

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Com roupas rasgadas e fumaça saindo pelo corpo, curitibana foi parar no hospital após sobreviver a raio pela 2ª vez!