Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Seis gerentes de barracões de materiais recicláveis foram presos suspeitos de furtar energia elétrica foram presas na manhã desta quarta-feira (5), durante uma ação coordenada pela Polícia Civil para identificar possíveis receptadores de materiais de cobre furtados. A ação aconteceu no bairro Parolin, em Curitiba, e em todos os locais fiscalizados os policiais encontraram ligações clandestinas de energia.

A polícia também encontrou parte de uma lixeira da Prefeitura de Curitiba, em um dos barracões visitados pela equipe. A força-tarefa envolveu também servidores da prefeitura e representantes da Companhia Paranaense de Energia (Copel) e de companhias telefônicas.

De acordo com a delegada Vanessa Alice, da Divisão de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP), os locais vistoriados foram definidos com base em denúncias realizadas pelas próprias empresas de telecomunicação e informações colhidas pelos policiais. “Esta é mais uma ação dentre outras diversas que estamos realizando para coibir o volume de furtos de cabos ou materiais, que vem causando não apenas prejuízos para as empresas, mas também transtornos para a população”, afirma a delegada.

As seis pessoas foram encaminhadas à delegacia e autuadas em flagrante pelo crime furto de energia, uma delas também foi autuada por receptação qualificada. Para os autuados pelo crime de furto foi arbitrado fiança, todos pagaram e foram liberados. Já a mulher que estava com uma parte de uma lixeira da prefeitura ficou presa.

A delegada reforçou o alerta de que a prática do famoso “gato” é crime. “É furto de energia, então, é um crime como qualquer outro. Também destacamos o alerta para quem compra os fios de cobre sem saber a procedência, pois se estes produtos são roubados ou furtados, quem compra também comete um crime, de receptação. É importante ter muita atenção para estes dois fatores”, comentou Vanessa Alice.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Apreensões

Em menos de 30 dias, a Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) acumulou mais de cinco toneladas em materiais apreendidos. No dia 7 de agosto, policiais da especializada localizaram, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC), 500 quilos de fios de cobre que haviam sido furtados de cabeamentos de uma operadora de telefonia. No dia 24 de agosto, os investigadores encontraram mais de 8 mil hidrômetros (quase quatro toneladas) em um barracão de recicláveis no bairro Guabirotuba.

“Médico das Celebridades” é procurado pela polícia em Curitiba! Clínica no Batel foi autuada!