Uma das maiores quadrilhas de roubo de carga em Curitiba pode ter sido desmantelada pela polícia na tarde desta terça-feira (30). Nessa data, quatro homens entre 27 e 39 anos foram presos em flagrante no momento em que transportavam 28 toneladas de carne roubada, avaliada em R$350 mil.

De acordo com o delegado Miguel Stadler, da Divisão de Crimes Contra o Patrimônio, a ação foi uma força-tarefa entre as delegacias de Furtos e Roubos (DFR) e Furtos e Roubos de Cargas (DFRC), e chegou aos suspeitos na BR-277, na região do município de Balsa Nova.

“Percebemos o aumento no número de furtos de carne, frango e derivados. Então, nossas equipes iniciaram diversas diligências e, nessa ação, se depararam com a atitude suspeita de um caminhão e do veículo batedor”, disse.

O veículo era conduzido por um rapaz de 27 anos, que foi preso em flagrante. Logo depois, os policiais abordaram um veículo Jetta preto, onde estavam outros três homens, que dariam cobertura ao caminhoneiro com o objetivo de enganar as fiscalizações.

O crime

Segundo a Polícia Civil, a carreta foi roubada na região de Palmeira no dia 29 de maio por volta das 22h, quando o verdadeiro motorista foi levado a um cativeiro e feito refém. A carga vinha de Rondônia e deveria seguir até Balneário Camboriú, em Santa Catarina.

Investigações continuam

Agora, a polícia trabalha para identificar os receptadores e demais integrantes do esquema. Enquanto isso, o quarteto responderá atrás das grades por roubo e associação criminosa.