Um homem de 34 anos, condenado por estuprar a enteada, que na época tinha 11, foi preso por policiais civis do 11º Distrito Policial (DP), na Cidade Industrial de Curitiba (CIC). Segundo as investigações, o crime aconteceu já há algum tempo e o homem foi denunciado pela mãe da menina, assim que ela descobriu os abusos.

O delegado Rinaldo Ivanike contou que a condenação saiu em outubro e, desde então, o homem era considerado foragido. “Chegaram para a gente informações do local onde ele trabalhava e fomos cumprir o mandado. Ele não estava acreditando muito na prisão, achou que era inocente, que não iria responder pelo crime, mas vai sim”.

+Leia também: Empresário faz ‘gambiarra’ para desviar luz e acaba preso na Grande Curitiba

Os abusos aconteceram na época em que o homem viveu com a mãe da menina, na Lapa, Região Metropolitana de Curitiba (RMC). “Na época, a menina tinha 11 anos de idade e os abusos aconteceram durante algum tempo, até que a mãe descobriu e denunciou. Houve o processo e saiu a condenação”.

A Justiça decidiu que o homem deve ficar nove anos preso. Ele vai responder por crime sexual contra menor de 12 anos e detalhes sobre como foram os abusos não foram passados por conta de segredo judicial, por envolver uma criança. “Agora ele segue preso, a disposição da Justiça e esperamos que cumpra toda sua pena”.

Suspeito de matar policial disse que atirou contra Erick por ‘medo de ser preso’