Doze pessoas foram presas na “Operação Tiradentes”, deflagrada na manhã desta quinta-feira (12) pela Polícia Civil. Na ação, cujo alvo principal era uma quadrilha de “trombadinhas” que atuava no Centro da cidade, 18 mandados judiciais foram cumpridos (dez de prisão temporária e oito de busca e apreensão).

A investigação – que contou com o apoio da Guarda Municipal – durou 15 meses e, durante as diligências, a polícia descobriu que o grupo agia sempre da mesma maneira. “Normalmente eles escolhiam vítimas vulneráveis, como idosos, e nunca agiam sozinhos. Escolhida a vítima, eles se aproximavam e utilizavam a força física para derrubar a pessoa. Em seguida eles fingiam prestar ajuda, pediam desculpas e até abraçavam a vítima. Nesse momento se aproveitavam para subtrair objetos como carteiras e celulares”, revelou o delegado responsável pela operação, Cassiano Alfieri.

Os mandados foram cumpridos nos bairros Xaxim, Bairro Alto, Cidade Industrial (CIC), Centro e também em Pinhais e Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC) e todos os suspeitos foram autuados pelos crimes de furto, roubo e associação criminosa. A maioria já possuía passagem pela polícia.

 

Desafio! Almoço em casa com bebida e sobremesa por R$5? É possível! Mercado faz promoção de R$1!