Uma quadrilha envolvida no tráfico de drogas foi desmantelada pelo Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) na tarde da última sexta-feira (23) e na madrugada de sábado (24). Entre os presos estão cinco pessoas suspeitas de integrar o bando, entre eles: quatro homens, de 24, 22 e 21 anos, e uma jovem de 18, detidos em Curitiba e Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana da Capital (RMC).

Leia também: Adolescente assalta comércio e rouba carro junto com comparsas, mas é pego em seguida

Com o grupo, a polícia apreendeu cerca de 2,3 quilos de crack, 940 gramas de maconha, 58 gramas de cocaína, alguns comprimidos de ecstasy, duas armas de fogo, um colete balístico, um rádio comunicador e uma balança de precisão.

Também foram apreendidos um Peugeot cinza utilizado para o transporte das drogas, e aproximadamente R$ 17 mil em dinheiro ‘trocado’ oriundo do tráfico, além de diversas peças automotivas e artefatos para embarcação sem origem comprovada.

Disputa entre traficantes

Foto: Divulgação/ Polícia Civil
Os policiais chegaram até os suspeitos depois de denúncias sobre uma disputa por pontos de tráfico no bairro Tanguá, em Almirante Tamandaré. Foto: Divulgação/ Polícia Civil

A polícia chegou até os suspeitos depois que recebeu informações sobre uma disputa entre grupos por ponto de tráfico de drogas na região do bairro Tanguá, em Almirante Tamandaré. Ao longo das investigações os policiais também confirmaram que integrantes do bando mantinham um contato direto com pessoas ligadas a um crime de homicídio.

No Tanguá, na residência do jovem de 22 anos, os policiais encontraram as peças automotivas e de embarcação. O homem foi autuado em flagrante por receptação e associação criminosa. Seguindo as diligências, na casa ao lado, onde vivia o rapaz de 21 anos, a polícia cumpriu contra o suspeito um mandado de prisão preventiva pelo crime de roubo.

Na residência, que funcionava como ponto de venda de drogas, foram localizados 700 gramas de maconha, 90 gramas de crack, oito gramas de cocaína prontas para a venda, um rádio comunicador, um colete balístico, uma balança de precisão, uma pistola calibre 380, municiada e R$ 2 mil em dinheiro. Lá além dos jovens de 22 e 21 anos, outro rapaz de 18 anos que “ajudava” a dupla a comercializar a droga também foi detido.

Após a ação policial, o trio foi preso por associação criminosa e tráfico de drogas.

Em Curitiba

Após as quatro prisões na RMC, a equipe policial seguiu as buscas até a casa do homem de 24 anos, no Boa Vista, em Curitiba. “Ao chegar no local, situado nos fundos de um estabelecimento comercial, de imediato nós já localizamos cerca de R$ 15 mil em dinheiro trocado em cima da mesa. O suspeito tentou fugir, mas foi contido pelos investigadores”, contou o delegado-titular do Cope, Rodrigo Brown.

Além do dinheiro, os policiais encontraram na casa 2,2 quilos de crack, 240 gramas de maconha, 50 gramas de cocaína, alguns comprimidos de ecstasy, uma pistola calibre ponto 40, e o Peugeot 307. O suspeito foi autuado pelos crimes de associação criminosa e tráfico de drogas.

Todos os suspeitos permanecem presos à disposição do Poder Judiciário.

https://tribunapr.uol.com.br/noticias/parana/sede-de-jornal-no-litoral-e-alvo-de-tiros-na-madrugada-nao-vao-nos-calar-diz-proprietario/