A Polícia Civil prendeu na última terça-feira (19), no Sítio Cercado, Gabriel da Silva Moura Leal, de 22 anos, suspeito da morte de Thor Lucas Curial Oliva. O crime ocorreu no bairro São Francisco, em 9 de junho, na Praça do Gaúcho, no bairro São Francisco, em Curitiba. Segundo a delegada que investigou o caso, Thor vinha há vários meses sendo ameaçado por conta de uma dívida com drogas.

+Leia mais! Apostas da Mega da Virada estão abertas: prêmio é de R$ 300 milhões!

Na época a polícia constatou que o assassino agiu de forma bastante ousada: ele se aproximou de Thor Lucas e efetuou vários disparos. “Estamos falando de uma pessoa de altíssima periculosidade. Foi muito difícil realizar esta prisão. Testemunhas sigilosas confirmaram que Thor estava sendo ameaçado há meses”, explicou a delegada Tathiana Guzella.

Na noite do crime a vítima estava em via pública, quando um veículo Gol se aproximou. Logo em seguida alguém de dentro do veículo efetuou pelo menos quatro disparos e em seguida o veículo é visto deixando o local. Câmeras de segurança da região mostraram o momento em que esse veículo entra na rua onde a vítima estava. No local havia uma grande aglomeração de pessoas, que aparecem saindo correndo após ouvirem os disparos.

Na delegacia o investigado não falou sobre a motivação do crime. Ele já tem antecedentes criminais e segue à disposição da Justiça.

Professores da rede estadual fazem greve na próxima segunda-feira