Uma apreensão impressionante chamou a atenção no Aeroporto de Foz do Iguaçu, na região oeste do Paraná. Dois homens acabaram presos ao tentar embarcar com 7,5 quilos de rubis. A carga, sem nota fiscal, está avaliada em aproximadamente R$ 14 milhões.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

Segundo a Receita Federal, responsável pela apreensão, os dois homens foram flagrados ao tentar passar a mochila com as pedras preciosas pelo scanner. A imagem mostra uma grande quantidade de pedras na bagagem da esquerda.

Os presos são de Cascavel, também no Oeste, e viajariam para São Paulo, no aeroporto de Guarulhos e depois para Portugal, destino final das pedras preciosas. De acordo com informações da RPC, um deles seria ex-assessor de um vereador do município.

Outro ponto que chamou atenção foi o nome que constava em uma nota de transporte apresentada por eles. O nome do remetente era o mesmo do destinatário.

A imagem mostra uma grande quantidade de rubis na bagagem da esquerda. Foto: Divulgação/Receita Federal.
A imagem mostra uma grande quantidade de rubis na bagagem da esquerda. Foto: Divulgação/Receita Federal.

 

Prisão e multa

O material apreendido foi encaminhado para a Polícia Federal de Foz do Iguaçu. A dupla terá que apresentar provas sobre a legalidade da extração das pedras. Se não tiverem tais provas, eles podem pegar ao menos 5 anos de prisão.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Histórias de excessos em abordagens policiais se multiplicam em Curitiba