Uma tentativa de fuga de quatro detentos da Casa de Custódia de Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), mobilizou agentes penitenciários no início da noite de sábado (17). Os detentos serraram as barras de ferro de um duto de ventilação e saíram em direção ao telhado dos shelters (celas modulares), escalando uma tela de proteção. Agentes na guarita principal da unidade perceberam a movimentação e impediram a fuga com disparos de armas não letais.

+Leia também: Preso é flagrado com quase dois quilos de maconha em presídio na Grande Curitiba

Segundo o Departamento Penitenciário (Depen), os presos saíram de dentro de um cubículo. Todos apresentavam escoriações por causa do pouco espaço por onde passaram e também por causa do metal das telas de proteção. Quando o alerta de fuga foi disparado, outros agentes de plantão, a Polícia Militar e o Setor de Operações Especiais (SOE) auxiliaram na ação de contenção. Os quatro presos chegaram a subir no telhado dos shelters, na tentativa de pular para escapar. Eles foram imobilizados com os disparos.

+Leia também: Motociclista morre em suposto racha com outra moto na BR-116

Em seguida, o quarteto foi revistado e as equipes apreenderam com eles dois chips de celular e um cartão de memória. As equipes do Depen também apreenderam um pedaço de serra, que estava abandonado no cubículo danificado. O buraco pelo qual os presos

Buraco por onde os presos passaram tinha passaram tinha 20 cm x 30 cm. Foto: Divulgação/Depen
Buraco por onde os presos passaram tinha passaram tinha 20 cm x 30 cm. Foto: Divulgação/Depen

. O caso foi registrado no sistema e os presos envolvidos foram isolados. Segundo o Depen, eles serão submetidos à sanção disciplinar. Já o cubículo danificado passará por reparos. Ninguém ficou ferido de maneira grave.

 

Torcedores do Athletico depredam carro de app que levava passageiros com camisetas do Atlético-MG