Um torcedor do Athletico foi agredido por torcedores rivais na noite desta quarta-feira (4), no terminal do Cabral, em Curitiba. O jovem foi retirado do ônibus que faz a linha Capão Raso- Santa Cândida e acabou sendo espancado até ficar inconsciente. Toda a agressão foi flagrada em vídeo. Amigos da vítima o ajudaram a entrar em outro biarticulado alguns minutos após a agressão.

+Viu essa? Esqueleto é encontrado em maio às obras em marco histórico de Curitiba!

A agressão

Foto: Reprodução/WhatsApp.
Foto: Reprodução/WhatsApp.

Alguns torcedores do Athletico retornavam da partida diante do Grêmio, na Arena da Baixada, quando o biarticulado parou no terminal do Cabral. No local de embarque/desembarque, pelo menos 30 torcedores rivais invadiram o terminal e começaram a jogar pedras em direção ao ônibus parado.

“Eu estava parado e vi tudo. Subiram na plataforma com direção ao Capão Raso e usavam materiais da Império. Eles pegaram o garoto com o camisa do Athletico e foi uma tentativa de assassinato, com vários chutes na cabeça. A boca sangrou e acho que ele quebrou o nariz”, relatou o estudante Bruno José Pereira que conversou com a reportagem da Tribuna do Paraná.

+Leia mais! Papo com esposa e cunhada é interrompido a tiros em Curitiba!

Mais feridos

Com pedradas arremessadas ao biarticulado, outras pessoas ficaram feridas. “Outros usuários se machucaram e desceram. Pegaram táxi para fugir do terminal. Eu filmei até para mostrar estes militantes e que eles sejam punidos”, ressaltou o estudante.

Investigações

A Delegacia de Futebol e Eventos (Demafe) espera nas próximas horas localizar a vítima para iniciar às investigações. “Estamos sempre atentos e já estaremos abrindo processo. Inicialmente é preciso saber o paradeiro do rapaz agredido, o hospital que possa ter atendido e mais informações do caso”, informou o Delegado Clóvis Galvão da Demafe.

Mesmo com capacitação invejável, curitibano não consegue emprego