Três homens foram presos por volta das 16h deste domingo (22) na Vila Torres, no bairro Prado Velho, enquanto fugiam da Polícia Militar. Eles são suspeitos de terem roubado um veículo HB20 na noite de sábado (21). O assalto foi à mão armada e a vítima reconheceu os bandidos.

De acordo com informações apuradas pela Tribuna do Paraná, o trio chegou em um posto no bairro Cristo Rei pedindo um galão com gasolina para conseguirem abastecer o carro, “deles”, que estaria sem combustível em um viaduto próximo. Os três foram embora e minutos depois voltaram correndo em direção ao posto. Nesse momento, a fuga a pé já tinha começado e o carro já havia sido abandonado. A PM já tinha informações que o HB20, com alerta de roubo, circulava pela região do Jardim Botânico e buscava pelos homens.

Os funcionários do posto suspeitaram dos homens por conta do nervosismo. “Eles chegaram nervosos e pediram um galão com gasolina. O gasto deles foi de R$ 18 e eles fizeram uma vaquinha para conseguir pagar o valor. Depois disso, seguiram em direção ao suposto carro que seria deles e muito rapidamente retornaram de volta para o posto. Nós até achamos estranho, não tinha porque eles retornarem de novo para o posto, porque já tinham a gasolina. Eles estavam fugindo da polícia”, relatou um dos trabalhadores.

O trio , que fugiu a pé, foi perseguido pela PM por ruas próximas e detido na Vila Torres, no acesso do viaduto Capanema. Eles confessaram o roubo do carro na noite de sábado e detalharam a falta de combustível aos policiais, que confirmaram a informação com testemunhas que estavam no posto.

Policiais militares capturaram o trio após perseguição. Foto: Lineu Filho
Policiais militares capturaram o trio após perseguição. Foto: Lineu Filho

O crime

Os três abordaram a vítima por volta das 21h, no bairro Alto da XV. Ela estava acompanhada de uma amiga e estava chegando na casa de um outro amigo na Rua Camões. Segundo ela, foram quatro anos para juntar o dinheiro do tão sonhado automóvel que foi levado em instantes.

“Eu estacionei o carro e tinha espaço na frente e atrás dele. Eu olhei na redondeza e não vi ninguém. Sempre fico atenta porque tenho muito medo. O meu amigo demorou para abrir o portão e então eu resolvi esperar dentro do carro, porque começou a chover muito. Na hora que entrei no carro eu vi os três homens e consegui trancar as travas da porta, mas a minha amiga ficou pra fora. Quando eu abri pra ela entrar, eles puxaram a minha porta e começaram uma luta comigo. Eles arrancaram a maçaneta nessa ’briga’ e me tiraram de dentro do veículo, dizendo que estavam armados e que era um assalto”, contou a vítima.

A PM chegou a procurar a arma que eles estavam utilizando no momento do roubo, mas não encontraram. Os policiais acreditam que eles tenham descartado na hora da fuga, juntamente com a chave do carro. Um deles tem passagem pela polícia por um roubo registrado no carnaval deste ano. O HB20 foi entregue à vítima ainda neste domingo e mesmo com o carro recuperado a moça teve prejuízos, já que além da chave perdida, o kit estepe e seu celular, levado no momento do roubo, “desapareceram”.