A Escola Estadual Professora Angelina Ana Maria Consolo do Prado, no bairro Colônia Murici, em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, está fechada nesta segunda-feira (11) por causa de um ato de vandalismo. No final de semana, marginais invadiram o colégio e quebram de vidros, carteiras, jogaram livros no chão e até acionaram hidrantes, deixando as salas de aula molhadas por completo.

“É uma tristeza sem fim. Os primeiros funcionários chegaram cedo e viram este vandalismo. Não existe motivo para isto. Talvez seja uma retaliação, mas nada justifica”, relatou Clodoaldo Prado, diretor do colégio.

vandalismo-2

Polícia investiga ato de vandalismo!

Os vândalos deixaram um rastro de destruição, mas existe a possibilidade de descobrir quem foram os responsáveis pela ação “A Policia Civil está aqui e irá analisar algumas manchas de sangue e até digitais. Vamos aguardar”, disse o diretor.

O valor estimado do prejuízo ainda não foi calculado pela direção. O retorno das aulas está programado para terça-feira. (12).

Cadê o respeito?

Em nota, a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte do Paraná lamentou o ocorrido, uma vez que o prejuízo sofrido afeta diretamente a comunidade escolar e onera, também, os cofres públicos. “A escola é um espaço público de aprendizado e deve ser respeitada e cuidada como tal.  A Secretaria agora acompanha o caso junto ao Núcleo Regional de Educação Área Metropolitana Sul. A equipe diretiva da escola tomou as medidas cabíveis, registrando Boletim de Ocorrência. Os danos ainda estão sendo contabilizados, já que o episódio ocorreu nessa madrugada. Não há, ainda, informação sobre o tamanho do prejuízo. As aulas foram suspensas hoje e devem ser retomadas normalmente amanhã. A direção também acionou a Polícia Civil, a quem agora compete a investigação e responsabilização”, disse a secretaria.

vandalismo-1

Cronograma do saque aniversário do FGTS 2020 é liberado. Veja!