Um policial civil descontrolado, possivelmente sob efeito de entorpecentes, causou uma grande confusão na manhã desta terça-feira (23), em Araucária, região metropolitana de Curitiba.

Ed Carlos Ávila só foi controlado após levar um tiro no joelho de Gilmar Soares, da Guarda Municipal do Município. Ávila segue hospitalizado, mas sem risco de morte.

+Leia mais! Polícia Federal descobre casa com 734 quilos de cocaína no litoral

Tudo teve início quando o policial civil abandonou um veículo Uno branco e entrou em um hotel, na região central da cidade, gritando na recepção que estaria ferido. Ao perceberem que era apenas “uma encenação”, os funcionários não deram muita atenção. Na sequência, o policial civil entrou em um ônibus e desembarcou na Rua Santa Catarina, no bairro Cachoeira.

Foto: Gerson Klaina/Tribuna do Paraná.
Foto: Gerson Klaina/Tribuna do Paraná.

“Recebemos a informação de que um indivíduo alterado estava no telhado de uma residência e ameaçando moradores. Um dos nossos guardas então subiu e entrou em luta corporal. O cidadão tentou tirar a arma de fogo e, para evitar o pior, atirou no joelho do homem. Ele caiu, mas mesmo assim permaneceu alterado”, disse o Coordenador de Operações Aranda da Guarda Municipal.

+ Atenção! Você está a um clique de ficar por dentro do que acontece em Curitiba e Região Metropolitana. Tudo sobre nossa regiãofutebolentretenimento horóscopo, além de blogs exclusivos e os Caçadores de Notícias, com histórias emocionantes e grandes reportagens. Vem com a gente!

+Viu essa? Diretora de escola é afastada depois de aluna chegar a vomitar após agressão verbal!

Antecedentes

Segundo informações repassadas pela Guarda Municipal, o policial civil já teria causado problemas há um mês, em Curitiba. Ele teria quebrado pertences da casa da mãe e estaria prestes a ser exonerado. Um processo administrativo foi encontrado no carro deixado no centro de Araucária. Além disto, foi localizado um colete balístico da Polícia Civil, um carregador e munições.

Guarda Municipal liberado

Gilmar Soares foi ferido na cabeça após ser atingido por algumas telhas. Ele já foi liberado do Hospital Municipal de Araucária, onde recebeu atendimentos médicos.

ocorrencia-araucaria

Diretora de escola da RMC é afastada após aluna vomitar depois de bronca