Lucas Willian dos Santos Gomes, de 21 anos, queria vingança pela morte da mãe e pode pegar até 30 anos de cadeia por causa disso. “Sapo”, como é conhecido, foi preso pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) no município de Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba.

De acordo com o delegado Fábio Amaro, o homem é suspeito de matar Marcio Rodrigues, 35 anos, com diversos tiros no bairro Sítio Cercado. O crime aconteceu dia 5 de fevereiro na Travessa Quirino.

“Iniciamos as investigações e chegamos ao Lucas, que teria assassinado o rapaz por ele ter envolvimento na morte de sua mãe no mês de dezembro”.

Ester dos Santos Gomes foi assassinada na véspera de Natal do ano passado, quando “Sapo” cumpria pena em regime fechado pelo crime de roubo. “Assim que ele saiu da prisão e ficou sabendo da autoria do crime, decidiu fazer justiça com as próprias mãos. Nós já tínhamos o mandado de prisão para o Márcio, mas o Lucas chegou antes e agora se complicou por causa disso”, pontuou o delegado.

“Sapo” nega seu envolvimento com o homicídio e não reagiu à prisão. Ele permanece preso na carceragem provisória da DHPP à disposição da Justiça.