A Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República realiza nesta quarta-feira o seminário de capacitação que vai definir o Programa de Proteção à Testemunha no Paraná. Durante o evento será escolhida a organização não governamental que vai administrar o programa no Paraná e também será instituído o Conselho Deliberativo, conforme informou o procurador da Justiça Olympio de Sá Sotto Maior Neto ao governador Roberto Requião, na reunião da Operação Mãos Limpas desta segunda-feira.

O Seminário de Capacitação vai acontecer na Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania e terá a participação de representantes do Ministério Público, da OAB/Pr, das secretarias estaduais da Justiça e da Segurança Pública, do Poder Judiciário e das Polícias Civil e Militar do Paraná. Segundo Olympio, a entidade de Direitos Humanos que desenvolve o programa em Estado de Pernambuco estará presente ao encontro para repassar seus mais de 10 anos de experiência sobre o assunto aos paranaenses.