Os senadores Osmar Dias (PDT-PR) e Antero Paes de Barros (PSDB-MT) pediram ontem a imediata criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar a remessa ilegal de dinheiro via contas CC-5 na agência Banestado de Nova York. O pedido foi motivado pelo depoimento de José Francisco de Castilho Neto, que revelou à comissão que ?nomes expressivos da política nacional aparecem na lista de 1.600 brasileiros que possuem conta CC-5 no Banestado, em Nova York?. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)