O candidato do PSDB à presidência da República, senador José Serra (SP), afirmou há pouco que, se eleito, pretende reabrir a utilização do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), ?de forma mais caudalosa? para o financiamento de obras de saneamento e habitação. Além disso, segundo afirmou durante a 3ª Conferência Nacional da Indústria da Construção Civil, pretende aumentar o volume de recursos para esses dois setores para R$ 19 bilhões por ano, nos próximos quatro anos.

Segundo Serra, desde 1998 foram investidos R$ 32 bilhões nesses setores. Ele informou que, para isso, pretende contar com recursos orçamentários federais, estaduais e municipais, do FGTS do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), da Caixa Econômica Federal (CEF), do BNDES, do Banco do Nordeste, da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e da Agência Nacional de Águas (Ana)