O software livre já é uma realidade entre as instituições governamentais. Serviços públicos federais, estaduais e municipais estão implantando e gerenciando suas estruturas administrativas em plataformas e aplicativos de código aberto.

Para capacitar ainda mais os servidores públicos, começou hoje, na Universidade dos Correios, em Brasília, a 1ª Semana de Capacitação e Treinamento em Software Livre. Até a próxima sexta-feira, mais de 2.200 servidores estarão participando, gratuitamente, de 150 cursos de capacitação técnica. Mais que capacitar, a semana pretende ampliar o conhecimento em software livre, transformando os participantes em agentes multiplicadores do conhecimento e da tecnologia das plataformas em código aberto.

Segundo o ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, que participou da cerimônia de abertura, o evento é fruto de um esforço coletivo iniciado no Comitê Executivo do Governo Eletrônico tendo como objetivos a difusão da cultura do software livre no país, a universalização da informação e a inclusão digital. ?O desafio é transformar essa ferramenta em instrumento concreto para a melhoria da gestão governamental. Por isso, peço a todos vocês que assumam o compromisso de levar adiante todo o conhecimento adquirido aqui?.

De acordo com o presidente do Instituo Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), Sérgio Amadeo, o domínio do software livre pode colocar o Brasil entre as principais potências tecnológicas do mundo. Para ele, a opção pelo software livre é uma mudança cultural, é uma opção por um novo modelo de desenvolvimento e uso da inteligência coletiva. ?A Semana de Capacitação em Software Livre é o começo da virada para um futuro que certamente será um futuro livre?, afirmou.