Cuiabá, 22 (AE) – O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Vila Bela da Santíssima Trindade e tesoureiro do diretório municipal do PT, José Lopes Sobrinho, de 36 anos, foi morto na madrugada de hoje (22) com um tiro na boca. O crime ocorreu na sede do sindicato, onde ele morava, a 520 quilômetros de Cuiabá, oeste do Estado.

As causas do assassinato ainda são desconhecidas e não há suspeitos, segundo a polícia. Solteiro, o sindicalista estava sozinho no quarto e foi amarrado na cama antes de ser morto. Dois homens teriam sido vistos no local momentos antes do crime.

Segundo o ex-presidente do sindicato Wilson Rosa da Cruz, Sobrinho chegou em sua residência na terça-feira por volta das 23h30, depois de participar de um comício do PT, a 50 quilômetros da cidade.

Cruz informou que o sindicalista era uma pessoa pacata e não tinha inimigos na cidade. Sem pistas dos assassinos, a polícia sabe apenas que as portas do sindicato não foram arrombadas.

O presidente interino do diretório estadual do PT, deputado estadual Ságuas de Moraes, cobrou do governo do Estado apuração das circunstâncias da morte do sindicalista.