Thomas Coex/AFP

Se a Holanda conquistar no domingo a Copa do Mundo, o jogador Wesley Sneijder poderá ter um desempenho até agora só registrado por Pelé em 1962, conquistando em apenas uma temporada quatro competições de primeiro nível.

Campeão com o Inter de Milão da Liga dos Campeões da Europa, da Série A e da Copa da Itália no ‘Calcio’, o meio-campo (1,70m) poderá conquistar sua quarta coroa, algo inédito até agora para um jogador europeu.

Em 1962, Pelé com apenas 21 anos conquistou o título mundial no Chile com a seleção brasileira, depois de ter vencido com o Santos o Campeonato Paulista e a Taça Brasil, assim como a Copa Libertadores da América.

Mais tarde, o Rei ainda conquistou a Copa Intercontinental, hoje Mundial de Clubes.

Esta façanha ninguém conseguiu repetir, embora jogadores míticos, como o ‘Kaiser’ alemão Franz Beckenbauer em 1974, tenham passado muito perto. Beckenbauer foi campeão da Copa do Mundo, da Bundesliga e da Copa da Europa com o Bayern de Munique, mas naquela ocasião não conseguiu vencer a Copa da Alemanha.

Uma vitória ‘laranja’ no domingo sobre a Espanha fará de Sneijder o jogador europeu com mais títulos em uma temporada, recorde que poderá ser ampliado com o Mundial de Clubes, que será disputado em dezembro em Abu Dhabi.

“Estas estatísticas são o menor de todos os meus problemas”, assegurou Sneijder.

“Posso me tornar o primeiro a conquistar estas quatro competições consecutivas na Europa. Mas, acreditem, minha mente não é ocupada um só segundo por este pensamento. O que eu quero é o título mundial. E ponto!”, ressaltou o holandês.

“Também me falam da Bola de Ouro e do título de melhor jogador do torneio, mas, se entrar em campo pensando em tudo isso, vou esquecer de jogar futebol”, acrescentou em declarações à imprensa holandesa.

O jogador formado no Ajax tem sido alvo de brincadeiras até por parte de companheiros espanhóis.

“Na quarta-feira recebi uma mensagem de texto de Sergio Ramos (companheiro de Real Madrid na temporada passada): ‘Wesley, já ganhou tantos troféus nesta temporada que agora pode ficar calmo”, comentou Sneijder.

Mas o craque holandês não se dá por satisfeito.

“Aproveito cada um dos dias na África do Sul. Estou na melhor forma de minha vida, desfrutarei até o final”, disse.