Dorival Júnior deve ter feito seu último jogo pelo São Caetano. E se despediu do time sem o tão sonhado terceiro título estadual – foi campeão em 2004 com o Figueirense e, no ano passado, com o Sport. Ontem, ficou no quase. E, pelo o que sua equipe demonstrou contra o Santos, deixou claro que o título ficou em boas mãos.

O futuro do treinador será decidido hoje numa reunião com a cúpula do São Caetano. A boa campanha fez com que o Cruzeiro se interessasse. ?Houve contato sim. Mas pedi para que deixassem qualquer conversa para segunda-feira?, confirmou. ?Tenho de ter coerência e conversar primeiro com a diretoria do São Caetano, que apostou no nosso trabalho.