Foto por: Javier Soriano

O príncipe Willem-Alexander da Holanda declarou neste domingo, após a derrota de sua seleção na final da Copa do Mundo, ante a Espanha por 1 a 0, que os holandeses devem estar muito “orgulhosos” de sua equipe.

“Temos que estar muito orgulhosos da equipe. Nos deixaram em êxtase durante um mês. Desfrutamos de seu jogo, incluindo a final. Tiveram boas chances, é uma pena”, afirmou o príncipe, em declarações à rede de televisão pública de seu país após a final.

“Receberão a homenagem que merecem na próxima terça-feira (em Amsterdã) e veremos que é algo especial ter ficado em segundo aqui na África do Sul”, disse o príncipe Willem-Alexander, presente no estádio Soccer City, em Johannesburgo, palco da final da competição mundial.

Foto por: Javier Soriano

O príncipe Willem-Alexander da Holanda declarou neste domingo, após a derrota de sua seleção na final da Copa do Mundo, ante a Espanha por 1 a 0, que os holandeses devem estar muito “orgulhosos” de sua equipe.

“Temos que estar muito orgulhosos da equipe. Nos deixaram em êxtase durante um mês. Desfrutamos de seu jogo, incluindo a final. Tiveram boas chances, é uma pena”, afirmou o príncipe, em declarações à rede de televisão pública de seu país após a final.

“Receberão a homenagem que merecem na próxima terça-feira (em Amsterdã) e veremos que é algo especial ter ficado em segundo aqui na África do Sul”, disse o príncipe Willem-Alexander, presente no estádio Soccer City, em Johannesburgo, palco da final da competição mundial.