Os interessados em participar do concurso público para contratação de 710 educadores sociais têm até o próximo dia 15 (domingo) para efetuar a inscrição. Os aprovados serão contratados pelo Iasp – Instituto de Ação Social do Paraná, com salários que variam de R$ 534,21 a R$ 1.484,21, dependendo do tipo de programa ao qual o candidato optar por concorrer.

Os aprovados vão integrar o Quadro Próprio do Poder Executivo (QPPE) e serão contratados sob o regime jurídico estatutário. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, com plantões no período noturno, e aos sábados, domingos e feriados. As vagas estão distribuídas em 15 municípios.

O concurso público é organizado pela Secretaria de Estado da Administração e da Previdência (Seap), em parceria com o Iasp e com a Coordenação de Processos Seletivos (Cops) da Universidade Estadual de Londrina (UEL). O edital completo (182/2005), com informações detalhadas do processo está disponível no site www.cops.uel.br. É por esse endereço eletrônico que a inscrição deve ser feita até às 23 horas do dia 15 deste mês. Já o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 70,00 deve ocorrer até o dia 16 de janeiro, dentro do horário de expediente bancário.

Os aprovados trabalharão em Unidades Sócio-Educativas, locais de internação de adolescentes entre 12 e 18 anos. Quatro aprovados prestarão serviços junto à Guarda-Mirim, que é um programa social em regime aberto, para adolescentes de 14 a 18 anos. Das 710 vagas, 613 são para homens e 97 para mulheres. As vagas serão distribuídas entre 15 municípios das regiões de Curitiba, Londrina e Cascavel.

A prova objetiva para o concurso público de educador social vai acontecer no dia 19 de fevereiro, às 14 horas. Maiores informações podem ser obtidas também pelo telefone (43) 33714740.