O Parque Nacional do Iguaçu, na região Oeste do Paraná, deverá receber um milhão de visitantes até o mês de novembro, considerado um recorde histórico desde que o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais e Renováveis (Ibama) começou a medir a freqüência no parque em 1982. No mês de julho o parque recebeu 112 mil visitantes e já soma 604.466 pessoas neste ano ? uma alta de 12% em relação ao mesmo período do ano passado – e que projeta mais de 1,1 milhão de visitantes em 2005.

Para o secretário de Turismo do Paraná, Celso Caron, a alta na visitação reflete um empenho do turismo paranaense na divulgação do principal atrativo do Estado. ?Esse é um resultado do trabalho conjunto da Secretaria Estadual de Turismo, da Paraná Turismo, do Ministério de Turismo, do Ibama, da Secretaria Municipal de Turismo, de entidades como o Convention Bureau e empresas na divulgação das Cataratas do Iguaçu no Brasil e, principalmente, no exterior?, observa Caron.

O secretário aponta ainda a revitalização que o parque nacional recebeu, em número de atrativos – novas trilhas, opções de passeios e equipamentos – o que o tornou exemplo para outros parques nacionais. ?O parque é um exemplo típico de uma parceria pública-privada que deu certo?.

Programas regionais

Com o parque consolidado como destino turístico de alta freqüência, Caron diz que o próximo passo será desenvolver projetos, através da Secretaria de Turismo e do Ibama, em conjunto com as cidades da região que fazem parte do entorno da unidade conservação.

Entre as ações estão programas de aproveitamento do artesanato regional e de gastronomia típica. ?É uma ação nova e muito importante para a região porque está gerando emprego e essa é a principal meta do governo Roberto Requião. Com o turismo em Foz, vamos gerar empregos e promover o desenvolvimento da região?.

Principal medida

A visitação do Parque do Iguaçu, medida pelo Ibama, é a principal referência do turismo na região formada entre Brasil, Paraguai e Argentina. O parque tem como principal atrativo as Cataratas do Iguaçu ? um conjunto formado por 275 quedas d?água.
No ano passado, mais de 550 mil pessoas visitaram as Cataratas no segundo semestre do ano, média de 91 mil ingressos ao mês. De acordo com o chefe do Parque do Iguaçu, Jorge Pegoraro, os números criam uma expectativa mais do que positiva. ?O segundo semestre é o de maior movimento. Vamos passar de um milhão com certeza?, analisa.

Divulgação

Na opinião do vice-presidente da Associação Brasileira de Agentes de Viagem do Paraná (Abav-PR), Felipe Gonzalez, a promoção do destino feita atualmente apenas nos canais distributivos (feiras e salões) precisa ser ampliada com a mídia cooperada feita com operadores. Isso fomentaria o fretamento de vôos para Foz do Iguaçu e do turismo rodoviário. ?Para consolidar o destino é necessário investimento também em mídia direta, ou seja, divulgação nos veículos de comunicação de massa, para atingir efetivamente a população?, disse.