Rio – Dados divulgados pela Infraero revelam que somente na manhã de hoje (28) 73 vôos da Varig foram cancelados. Eles representavam 78% dos 94 vôos programados para o período.

Ainda hoje, o juiz Luiz Roberto Ayoub, que preside o processo de recuperação judicial da Varig, deverá posicionar-se sobre a proposta de compra da Varig apresentada pela ex-subsidiária da empresa aérea, a Varig Logística (VarigLog), cujo novo controlador é a Volo Brasil. A Volo é formada por empresários brasileiros e pelo fundo de investimentos americano Matlin Patterson.

O juiz Ayoub, titular da 8ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro, solicitou que a VarigLog e a Volo prestem até esta tarde mais esclarecimentos sobre a proposta. Existem três alternativas para o caso Varig: aprovação da proposta da VarigLog de cerca de U$ 500 milhões pela Varig; definição de novo leilão judicial; ou falência da companhia aérea.