No próximo dia 29, às 15 horas, a concessionária Viapar promove o lançamento na praça de Presidente Castelo Branco,  na BR-376, de campanha em que estará divulgando nomes e fotos de crianças desaparecidas no Paraná. A iniciativa constará de entrega de folders aos usuários em todas as demais praças da empresa, além da impressão no verso dos tickets de fotos com informações de 29 crianças desaparecidas.

Mães que passaram pela experiência de terem filho desaparecido estarão presentes no lançamento da campanha. Entre elas, Arlete Ivone Caramês, fundadora e presidente de honra do Credispar (Movimento Nacional em Defesa das Crianças Desaparecidas do Paraná) e mãe de Guilherme Caramês Tiburtius, que nasceu em 1983 e desapareceu em junho de 1991. Marilía Pomba Marchese, coordenadora do Credispar, também confirmou presença

?O projeto é de extrema importância, porque além de contribuir para a localização dos desaparecidos, vai ajudar a prevenir. Quando as pessoas verem o folder ou ticket terão a consciência de que é preciso ter mais cuidados com os filhos?, comenta Marília.

O lançamento da campanha será marcado também com as presenças de Willin Palma e Delva Fiuza Palma, pais de Edinílton Palma (?Niltinho?), que nasceu em 1980 e desapareceu, em Maringá, há 13 anos. Elizete Maria dos Santos, mãe de José Carlos dos Santos, que nasceu em 1982 e desapareceu em 1992, na cidade de Maringá, também estará apoiando o lançamento do projeto.  

 ?Para mim essa campanha promovida pela Viapar é muito importante, porque não tenho condições de montar uma grande estrutura que ajude na busca de meu filho. É uma grande oportunidade de encontrar o Niltinho?, diz Delva