Um boletim médico divulgado há pouco pelo Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, informa que o vice-presidente e ministro da Defesa, José Alencar, que foi submetido hoje a uma angioplastia, "encontra-se estável e em boas condições clínicas".

Alencar, segundo o boletim, permanecerá em observação no hospital por, aproximadamente, 48 horas. Ele foi ao Sírio-Libanês para a realização de um check-up de rotina, sob os cuidados dos médicos Roberto Kalil, Raul Cutait e Miguel Srougi.

Durante os exames, afirma o boletim, "foi detectada uma isquemia coronariana na parede lateral do ventrículo esquerdo do paciente". O vice-presidente e ministro da Defesa foi, então, submetido a um "cateterismo cardíaco e angioplastia, com a colocação de um stent na artéria circunflexa". De acordo com o comunicado, o procedimento transcorreu normalmente.