Depois de ficar 7 rodadas sem vencer o Vitória conseguiu derrotar o Criciúma por 1 a 0, neste domingo, no estádio Barradão, em Salvador. O resultado alivia um pouco a situação do time baiano, que chega aos 33 pontos mas permanece próximo à zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Já os catarinenses ficam com os mesmos 36 pontos.

Mesmo fora de casa, o Criciúma começou melhor. Tanto que teve boas chances para marcar, mas o goleiro Juninho foi muito bem e salvou o time baiano.

Vaiado pela sua torcida, o Vitória tentava chegar à meta adversária com jogadas individuais de Edílson e Obina. Numa delas, Obina disputou bola com o zagueiro Leonardo e foi derrubado na área. O árbitro Wilson Luís Seneme marcou pênalti, contestado pelos jogadores do Criciúma. Edílson bateu, aos 46 minutos, e fez 1 a 0.

No segundo tempo, o Criciúma perdeu o zagueiro Toninho, expulso aos 18 minutos, o que facilitou as coisas para o Vitória. Aí, o time baiano só teve o trabalho de administrar a vantagem conseguida na primeira etapa