A dupla de zaga da seleção brasileira, formada por Lúcio e Juan, considerada uma das melhores do mundo, lamentou a eliminação do Brasil da Copa do Mundo, mas não quis apontar culpados nos dois lances de gol da Holanda na partida que decretou a saída prematura da seleção do Mundial.

¨Como eu falei, são coisas do futebol e é difícil explicar. No calor do jogo, a gente sente muito a derrota, o povo brasileiro, nossas famílias, filhos, pais, esposas, que estão passando apoio¨, declarou o capitão Lúcio após a derrota de 2-1 no estádio Nelson Mandela Bay, na cidade de Port Elizabeth.

¨A gente sofre junto porque sabe que no Brasil a torcida é apaixonada, a gente sempre procura fazer o melhor, para levar alegria, mas infelizmente a gente não conseguiu desta vez¨, completou.

Ao ser questionado sobre quem deveria ter marcado o meia Sneijder, que nem precisou pular para marcar de cabeça o segundo gol da Holanda na partida, ele disse que era difícil falar de apenas um jogador.

¨Temos que permanecer unidos, não temos que procurar culpados. O sonho de todo mundo e o desejo de todo mundo era acertar¨, disse.

O zagueiro Juan lamentou as chances desperdiçadas pelo Brasil no primeiro tempo, mas considerou que a participação do país na Copa foi boa.

¨Poderíamos ter saído com mais um gol no primeiro tempo, mas depois perdemos o controle do jogo, eles estavam com um a mais. Mas valeu pela Copa que a gente fez, valeu pelo esforço, pelos quatro anos de trabalho. Fica a amizade, ficam algumas coisas que a gente conquistou também¨, disse.