O ex-governador do Rio, Anthony Garotinho (PMDB), disse na manhã desta sexta-feira (30) em seu programa de rádio na Rádio Manchete AM, que sabe de quem partiu a denúncia contra ele. Denunciado por formação de quadrilha armada, Garotinho disse que nunca usou armas. "Eu nunca peguei em um revólver para dar tiro na minha vida. As pessoas que me conhecem sabem que a única arma que uso é a Bíblia. Em cada quarto que eles (agentes federais) chegavam, encontravam uma Bíblia. Eles queriam encontrar uma arma. Foi a primeira coisa que perguntaram", disse.

Luciana Gouveia dos Santos Lins, ex-mulher do deputado estadual Álvaro Lins (PMDB), presa por lavagem de dinheiro na operação Segurança Pública S.A., foi libertada na madrugada desta sexta-feira. O processo corre em segredo de Justiça no Tribunal Regional Federal. Lins permanece preso. Ele, o sogro, Francis Bullos, e o ex-chefe de Polícia Ricardo Hallak dividiram uma cela improvisada na sede da Polícia Federal.