O condutor morreu nas
ferragens da cabine.

Provável falta de freios no caminhão causou a morte do motorista João Carlos Alves da Silva, 43 anos, às 6h45 de ontem, em acidente ocorrido no quilômetro 671 da BR-376, município de Guaratuba. O Volkswagen 23-210 carregado de lingotes de alumínio tombou na chamada Curva da Santa, um dos trechos mais perigosos da rodovia.

Um amigo da vítima, Adriano Furtado, 32, vinha logo atrás um outro caminhão da mesma empresa e com a mesma carga. Adriano disse não ter visto o acidente, mas acredita que a causa foi o superaquecimento do sistema de frenagem. Ele e João saíram às 16 horas do dia anterior do Rio de Janeiro e seguiram viagem sem dormir. O destino final seria Jaraguá do Sul (SC).

O tombamento espalhou pela pista cerca de 14 mil toneladas em lingotes de alumínio. Parte da carga, avaliada em cerca de R$ 60 mil, despencou pelo viaduto e caiu no Rio da Santa, 40 metros abaixo. “Se alguém estivesse pescando, morreria”, comentou o policial rodoviário federal Wilson Joay.

Após o acidente o caminhão ficou atravessado no asfalto, interditando totalmente a pista Curitiba-Joinville por cerca de 20 minutos.