Oito pessoas perderam a vida e seis ficaram feridas em acidentes de trânsito nas últimas horas. O mais grave deles, aconteceu às 4h de ontem, no quilômetro 148, da BR-116, entre Fazenda Rio Grande e Mandirituba, deixando o saldo de dois mortos e quatro feridos. Ao cruzar a rodovia, o Kadett conduzido por José Ribeiro de Moura Júnior, 23 anos, foi colhido pelo Santana, dirigido por Osni Alves da Cruz, 25. Com o choque o condutor do Santana teve morte instantânea. Também morreu no acidente o passageiro do Kadett, Fernando Eduardo Paolini, 22. Os demais ocupantes dos veículos sofreram ferimentos graves e foram conduzidos para hospitais de Curitiba.

Às 13h30 de sábado, o Ford Cargo com placa de São Paulo, colidiu contra um barranco no quilômetro 671 da BR-376, trecho entre Curitiba e Joinville. O motorista Ailton de Assis Roza, 46, morreu no local.

Audrei Valéria Pinheiro, 19 anos, morreu ao ser arremessada da garupa de uma motocicleta, que só chocou com uma árvore, na Rua André Ferreira Barbosa, no Pinheirinho, à 1h30 de sábado.

O pedreiro Gabriel Coradassi, 63 anos, foi atropelado às 19h30 de ontem, na Avenida Professor Alberto Piekas, em Almirante Tamandaré. Um desconhecido foi colhido pelo Astra placa AHJK-2726, conduzido por Felipe de Carlo Correa, 24 anos, à 1h30 de ontem, no Bairro Alto. Sebastião da Luz, de aproximadamente 50 anos, morreu ao ser atropelado pelo Gol placa BZM-6676. Sylvio Paulo Krueger, 79, foi atropelado e morto no Jardim das Américas.