Ninguém soube informar sobre
o acidente no Portão.

O açougueiro Acir Teotônio, 32 anos, perdeu o controle de sua moto e morreu às 7h30 de ontem, na Rua Francisco Frischmann (via rápida do Portão, sentido centro-bairro), Portão. Ele pilotava a Turuna LZA-5008, que ficou caída perto do corpo até o Batalhão de Polícia de Trânsito aparecer.

Os policiais não encontraram nenhuma testemunha que descrevesse o acidente. “Não há sinal de frenagem nem de que a moto foi atingida por outro veículo”, disse o aspirante J. Cruz. Parentes de Acir, mais tarde, levantaram a suspeita de que ele tivesse sido fechado por um carro.

Bigorrilho

Outro motoqueiro perdeu a vida às 14h30 de ontem, no cruzamento das ruas Bruno Filgueira e Saldanha Marinho, Bigorrilho. Afonso Alberto Guimarães Filho, 22 anos, piloto da Honda Twister 250, placa AKP-0437, colidiu com o Renault Clio AKJ-1150, ambos os veículos de Curitiba. Com o impacto, Afonso foi arremessado por cerca de 10 metros, bateu a cabeça no meio-fio e morreu na hora.

A vítima usava capacete do tipo chamado “coquinho”, que protege apenas o alto da cabeça. “Esse capacete não é apropriado. Orientamos os motoqueiros a usar o modelo padrão”, disse o aspirante J. Cruz.

O acidente ocorreu quando o Clio, que vinha pela Rua Bruno Filgueira, fazia a conversão à esquerda para a Rua Saldanha Marinho. A moto trafegava pela mesma rua, no sentido oposto. O BPTran não informou o nome da condutora do carro, que saiu ilesa, mas ficou em estado de choque.

Mais um

Também Rodrigo Gonçalves Paraguaçu, 22 anos, perdeu a vida ao colidir a motocicleta, CG-125, placa AJZ-2991, contra o caminhão Mercedes-Benz, placa AIN-3925, conduzido por Albari Antônio de Macedo Júnior, 39 anos. O acidente aconteceu às 5h de sábado, no cruzamento da Rua Estados Unidos e Avenida Erasto Gaertner, no Bacacheri. Um rapaz, sem identificação, que estava na garupa da motocicleta, ficou ferido e foi levado ao Hospital Cajuru.

De acordo com informações colhidas no local por policiais militares do Batalhão de Trânsito (BPTran), o caminhão saiu da Barreirinha, carregado com frutas e verduras e se dirigia à Central de Abastecimento (Ceasa) para descarregar, pela Avenida Erasto Gaertner e quando cruzou a Rua Estados Unidos, houve a colisão. O motorista do caminhão não sofreu ferimentos.