Acusado injustamente de ter assassinado um rapaz em julho do ano passado, Elias José da Silva, 24 anos, foi absolvido pela Justiça. A mãe dele, Luzia de Fátima Rodrigues, contou que, na época, seu filho foi acusado pelo autor da execução, que, após o crime telefonou anonimamente para a polícia e denunciou Elias como sendo o autor. ?Tudo isso ficou provado e a própria promotora pediu a absolvição?, conta. Luzia disse que seu filho chegou a ser preso preventivamente, mas foi liberado após ser interrogado pela Justiça e provar sua inocência.