Élcio Luiz morreu com a cabeça esfacelada.

Um homem perdeu a vida na escuridão da Rua Divonzir Luciano, Jardim Independência, em São José dos Pinhais, na madrugada de ontem. Élcio Luiz de Melo foi encontrado com a cabeça esfacelada, o que fez a polícia acreditar que se tratava de homicídio. Porém, exames complementares feitos no Instituto Médico Legal revelaram que Élcio foi atropelado e abandonado no meio da rua.

O corpo foi encontrado às 2h, mas a polícia acredita que o atropelamento ocorreu bem antes. Quando policiais militares do 17.º Batalhão chegaram ao endereço, não encontraram testemunhas do fato. Moradores de residências próximas também não souberam dizer o que ocorreu ali.

De acordo com o superintendente da delegacia do município, Altair Ferreira, a hipótese de espancamento foi afastada a partir dos exames feitos no IML. “As fraturas detectadas e os resquícios de insulfilme encontrados no corpo da vítima pelos peritos criminais confirmaram que Élcio foi morto por atropelamento”, disse Ferreira, salientando que a família de Élcio era alcoólatra e costumava dormir em locais públicos.