Ao investigar a denúncia de tráfico de drogas no bairro Gralha Azul, em Fazenda Rio Grande, policiais da delegacia local apreenderam o adolescente de 16 anos acusado de assassinar o vereador Valdomiro Francisco da Silva, o ?Miro Siqueirense?, em agosto do ano passado. O menor teria recebido R$ 6 mil para cometer o crime.

De acordo com o delegado Antônio Rocha, na última sexta-feira, os policiais foram até uma casa apontada como local para a venda de drogas. Lá, encontraram o adolescente, que já era procurado pela polícia.

Além dele, os policiais prenderam Roseli Vaz Batista, 46 anos, e o genro dela, Edio Oliveira Rocha, 19. Com a dupla foram apreendidas 24 pedras de crack e 38 munições de espingarda calibre 44.

O vereador foi morto com dois tiros num bar na Avenida das Perdizes, no Bairro Gralha Azul.