Vítima não portava documentos.

O corpo de um homem não identificado, aparentando em torno de 40 anos, foi encontrado em frente a um barracão empresarial por volta das 7h de ontem, na Rua Durval Junglers, a uns 40 metros da esquina com a Rua Emanuel Veluz, no Pinheirinho.

O homem pardo, semicalvo, de bigode e cabelos castanhos claros, vestia calça jeans, camiseta branca, uma camisa de mangas compridas de cor cinza-avermelhada (desbotada), além de sapatos e meias pretas. Os vizinhos da rua, que mistura empresas e residências, disseram que ouviram cinco disparos aos 30 minutos da madrugada de domingo, porém ninguém saiu para verificar o que havia acontecido. Somente pela manhã alguém ligou à polícia informando o encontro do corpo. Os moradores da região, que observavam o trabalho da polícia, informaram nunca ter visto o homem no local.

Segundo o perito Antônio Carlos, do Instituto de Criminalística, o desconhecido levou apenas um tiro no rosto. O corpo foi levado ao IML, onde aguarda identificação para o prosseguimento das investigações.