Michelangelo Thiago da Silva, 20 anos, e Victor Lucian Mendes dos Santos, 19, assassinados dentro do banheiro de um posto de combustíveis em Borda do Campo, São José dos Pinhais, participaram de um festa de aniversário antes de serem mortos, segundo apurou a Polícia Civil do município, que já tem suspeitos do crime.

As primeiras informações recebidas é que o duplo homicídio teria relação com tráfico de drogas e foi praticado por integrantes de uma gangue chamada “Turma do Gueto”, que é rival à “Gangue do Porão”. Os dois grupos atuam no bairro Borda do Campo.