As investigações da morte do cobrador José Rodrigues, 38 anos, já estão adiantadas e os autores podem ser identificados nas próximas horas. A informação é do delegado Rubens Recalcatti, titular da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR). “Há possibilidade de o autor do assassinato do cobrador ser o mesmo que roubou um mercado na Fazendinha, segunda-feira”, relatou o delegado.

Ele continua acreditando que não houve uma tentativa de roubo, apesar dos indícios de que o assassino também é assaltante. “Vingança é a causa mais provável”, salientou Recalcatti. Ele prefere não informar detalhes sobre as investigações, mas acredita que terá novidades em breve.

Tiro

José Rodrigues estava na cabine onde trabalhava como cobrador, no terminal de ônibus do Pinheirinho, quando foi assassinado com um tiro no peito, às 20h30. De acordo com testemunhas, o autor é um homem que chegou ao local de motocicleta e roubou um Golf para fugir. Na ocasião, o vigilante do terminal, Valderlei Carmo Legari, foi baleado e levado ao Hospital do Trabalhador.