Investigadores do 8.º Distrito Policial (Portão), sob o comando do delegado Hertel Rehbein, prenderam na tarde de ontem o acusado de ter cometido homicídio no dia 1.º de agosto. Nelson Silva de Oliveira, 37 anos, o ?Nelsinho?, foi detido na chácara do irmão dele, em Piraquara, e confessou o crime.
De acordo com o preso, ele e a vítima – Fábio de Oliveira Lins, 22 – haviam tido um desentendimento em um bar duas semanas antes do encontro fatal. Naquela ocasião, Nelson jogava bilhar e, segundo ele, acertou uma tacada sem querer em Fábio. Apesar das desculpas pedidas, nasceu entre eles uma rixa.
Morte
No dia primeiro, Fábio transitava com seu Kadett pela Vila Lindóia, acompanhado de amigos, quando avistou Nelson andando na rua. A vítima fez a abordagem e desceu do carro para amedrontar seu rival. ?Ele disse que eu tava devendo uma para ele. E que ia me colocar dentro do carro e me levar para uma quebrada?, contou Nelson.
Sentido-se acuado, Nelson sacou de seu canivete e desferiu um pontaço no peito de Fábio.