Atingido por vários tiros dentro de um Monza, no Campo Comprido, Carlos Antônio Vieira, 36 anos, morreu logo após dar entrada no Hospital Evangélico, na noite de segunda-feira. Ele pegava carona com três colegas. Ao pararem num sinaleiro no Jardim Gabineto, foram surpreendidos por um homem que encostou a arma no vidro do carro e disparou várias vezes.

Os tiros atingiram apenas Carlos, que foi levado pelos conhecidos à Unidade de Saúde 24 Horas e encaminhado posteriormente ao hospital. Segundo o superintendente Dilso Morgerot, da Delegacia de Homicídios, Carlos não tinha antecedentes criminais. “Já temos indícios da autoria”, disse o escrivão Manoel Mendes.