Baleado há quatro meses numa danceteria situada no Pinheirinho, o auxiliar de serviços gerais Mauro Cesar Barbosa de Aguiar, 21 anos, morreu nas primeiras horas de ontem, no Hospital Cajuru. Familiares da vítima contaram aos investigadores da Delegacia de Homicídios que Mauro se desentendeu com um desconhecido no interior do estabelecimento, localizado na Rua Engenheiro João Bley Filho.

Por volta das 3h do dia 12 de novembro passado, depois que saíram da danceteria, que também funciona como restaurante, o autor correu em direção a Mauro e disparou vários tiros. Em seguida fugiu em um Celta branco. Amigos de Mauro comentaram que o indivíduo seria morador do Tatuquara.