Completamente alucinado, Rosenildo Rodrigues de Jesus, 22 anos, lutou com policiais, mordeu-os e depois pulou de uma laje para escapar da prisão, às 10h30 de ontem, na Vila Guarani, em Campo Largo. Com traumatismo craniano, o rapaz foi encaminhado ao hospital pelo Siate, onde permanecia internado até a tarde de ontem. Apontado como sendo o comparsa do rapaz, Celso Monteiro, conhecido como ?Bicudo?, 27 anos, foi preso e autuado em flagrante por porte ilegal de arma e associação ao tráfico de drogas.

O superintendente Jucelino Aparecido Bayer, da delegacia de Campo Largo, informou que ele e o policial Gogola investigavam o homicídio de André Luiz Ribeiro, executado com nove tiros, na Vila Guarani, na noite de sábado. ?Identificamos os autores como sendo Willian, ?Bicudo? e Robson?, contou Jucelino.

Arma

Ontem, os policiais foram procurar a arma do crime, que estaria em uma casa na Vila Guarani. Na moradia, encontraram Rosenildo, que entrou em luta com os dois policiais. ?Ele até nos mordeu. Mesmo depois que conseguimos algemá-lo, não foi possível controlá-lo?, contou o superintendente. Rosenildo conseguiu se desvencilhar dos policiais e saltou da laje da residência, de uma altura aproximada de 7 metros. O rapaz caiu de cabeça. ?Encontramos a pistola nove milímetros e 50 gramas de maconha?, disse. ?Bicudo? dono da residência, foi detido no trabalho, em Curitiba.

Jucelino contou que Rosenildo era foragido, desde 8 de dezembro do ano passado, quando foi condenado a nove anos de reclusão. O policial disse que as investigações continuam para localizar e prender os outros acusados do homicídio.