Dois rapazes foram esfaqueados em uma briga por causa de mulher na frente da Escola Estadual Professora Angela Sandri Teixeira, na Rodovia dos Minérios, bairro Tranqueira, em Almirante Tamandaré, na noite de ontem. A confusão começou próximo ao início das aulas e o autor do crime, de 17 anos, seria aluno da escola. Ele foi apreendido pela Polícia Militar e os dois feridos foram encaminhados ao Hospital Cajuru. Um deles, de 20 anos, com risco de morrer.

De acordo com uma das testemunhas, que não quis se identificar, os três rapazes conversavam em frente à escola. “Estávamos todos juntos, quando, de repente, vimos que ele começou a esfaquear os dois. Não ouvimos discussão, mas foi tudo muito rápido”, disse uma garota. Enquanto chamavam o socorro, a jovem ficou ao lado de um dos rapazes esfaqueado e rezou. “Só pensei em fazer uma oração para ele, porque vi que ele estava quase morto”.

Defesa

A PM chegou com os socorristas do Siate e apreendeu o adolescente suspeito do crime. “Eles falavam sobre algumas meninas. Certeza que brigaram por causa de alguma namorada ou ex-namorada”, supôs a garota. De acordo com o soldado Pontes, do 22.º Batalhão da PM, o adolescente apreendido agiu em legítima defesa. “O rapaz era vítima de uma briga e apenas tentou se defender”, disse. O garoto foi levado para a delegacia de Almirante Tamandaré.

De acordo com os socorristas, Luiz Eduardo Lachoviski levou várias facadas e pode morrer. Um adolescente, de 15 anos, levou uma facada nas costas, mas não corre risco. Ninguém na escola comentou o assunto.