t72031204.jpg

Caixão era transportado
por carro funerário.

Um caixão recheado de inseticidas e herbicidas contrabandeados, avaliados em R$ 150 mil, foi apreendido no início da madrugada de ontem, por policiais rodoviários federais do Posto de Céu Azul, em Cascavel. Daniel Pereira Menezes, 33 anos, foi preso, conduzido à Polícia Federal de Foz do Iguaçu e autuado em flagrante por contrabando. Ele fazia o transporte com o omega placa KJG-4444, da Funerária São Vicente.

De acordo com informações da Polícia Federal, Daniel foi abordado pelos policiais rodoviários quando passou pelo posto, situado no quilômetro 642 da BR-277, à 1h da madrugada. Ele informou aos policiais que estava transportando o corpo de uma mulher, que morreu em Foz do Iguaçu e seria enterrada em Mamoré, interior do Paraná. Os policiais solicitaram o atestado de óbito da mulher, momento em que Daniel entrou em contradição. Desconfiados, os policiais pediram para abrir o caixão. Ao invés de um cadáver, eles encontraram 1.136 pacotes de herbicida agrícola importado, das marcas Imidaclopid, Huron e Clorifuron 25. Em seu interrogatório, Daniel alegou que receberia R$ 1 mil pelo serviço.