Dois assaltantes de supermercados, que agiam em Fazenda Rio Grande, Região Metropolitana, foram presos por policiais militares por um motivo e acabaram sendo autuados por outro. No último sábado, foram presos porque dirigiam o Fusca placa AHG-1516, sem documentação do veículo e sem carteira de habilitação. Eles foram abordados na marginal da BR-116, imediações do Posto 21. Israel de Abreu, 36 anos, e Carlos Roberto da Silva, 27, não sabiam explicar quem era o proprietário do carro. Ao checar a placa do Fusca, policiais civis da delegacia local descobriram que o carro foi usado para a fuga após assalto ao Mercado Pedrosa, no último dia 30 de julho. A placa tinha sido anotada por uma testemunha.

Israel e Carlos complicaram-se ainda mais quando o proprietário do Mercado dos Piás, no mesmo município, foi à delegacia registrar queixa de assalto ao seu comércio, e reconheceu a dupla como autora do delito. Com o reconhecimento, Israel e Carlos foram autuados em flagrante. Uma terceira pessoa, o dono do Fusca, que provavelmente tem envolvimento com os assaltantes, está sendo procurada. Israel, até o momento, não tinha passagens pela polícia. Já Carlos tem um histórico de roubo e formação de quadrilha.