Policiais do 7.º Distrito(Hauer) desmascararam um casal que aplicava golpes aproveitando-se do descuido de suas vítimas, que eram principalmente mulheres idosas.

Vanessa do Rocio de Lima Chagas, 39 anos, e Leandro Lange de Almeida, 36, furtavam bolsas e carteiras e depois usavam cheques e cartões bancários das vítimas para efetuar compras.

Eles foram presos numa residência no município de Fazenda Rio Grande, onde a polícia encontrou diversos produtos adquiridos com o dinheiro dos outros, entre eles uma televisor de LCD, uma máquina de lavar roupas e um notebook.

O delegado Erineu Portes contou que as investigações iniciaram há cerca de um mês, quando uma mulher apareceu na delegacia contando que foi furtada e estavam fazendo compras com seus cartões.

“Analisamos as imagens de bancos e estabelecimentos comerciais, com base na movimentação dos cartões da vítima, e conseguimos identificar duas mulheres e um homem envolvidos no crime”, disse o delegado.

Em uma das compras, Vanessa passou o cartão da mulher para adquirir uma máquina de lavar roupas, mas pediu a nota fiscal em seu próprio nome. A partir daí, a polícia descobriu o paradeiro dela e de seu marido, que foram presos ontem, mediante cumprimento de mandado de prisão. “Ainda estamos procurando pela outra mulher que aparece nas imagens e também teria participação nos crimes”, afirmou Portes.

Coleção

Na residência do casal, foram apreendidos inúmeros objetos. O delegado ressaltou que cerca de 100 bolsas foram encontradas, dando mostras da grande quantidade de vítimas lesadas pelos criminosos. “A mulher colecionava as bolsas furtadas como uma espécie de relíquia”, lembrou o delegado.

De acordo com os policiais, os produtos não eram comprados para uso pessoal, mas sim para serem revendidos. “Como eles não gastavam nada nas compras, tudo que eles conseguiam vender era lucro”, comentou um dos policiais responsáveis pela investigação.

Foram apreendidos aparelhos celulares, DVDs, bolsas, carteiras, televisores, notebook, pares de tênis, faqueiros, relógios, tapetes, máquina de lavar roupa e outros objetos.

Os policiais também apreenderam dois veículos um Peugeot e um Fiesta que estão em nome de Vanessa, mas suspeita-se que tenham sido comprados com o dinheiro obtido de forma criminosa.

Aliocha Maurício
Uma verdadeira “loja” foi apreendida na casa dos acusados.