Homens armados invadiram, na noite de domingo, a casa de Johnny Maikon Gonçalves, 22 anos, no Santa Cândida, e atiraram contra ele e Erli Correa de Lima, 34 anos.

Ela levou três tiros na cabeça e foi encaminhada ao hospital na mesma noite. Johnny correu para fora, mas foi alcançado pelos assassinos. Seu corpo, só foi encontrado na manhã de ontem.

De acordo com a tenente Thaís, do 20.º Batalhão da Polícia Militar, o Siate foi acionado e quando chegou à residência do casal, na Rua Irineu Araújo, encontrou apenas Erli ferida. Ela está internada no Hospital Cajuru.

Como estava muito escuro e a valeta que passa perto da casa, cheia por causa da chuva, os bombeiros não conseguiram encontrar Johnny. Pela manhã, a água abaixou e os moradores encontraram o corpo do rapaz, morto com tiros nas costas.

Investigação

Moradores pouco comentavam o crime e ninguém soube dar pistas sobre suspeitos. Investigadores da Delegacia de Homicídios estiveram no local e conversaram com vizinhos e parentes das vítimas. O irmão de Johnny afirmou que o rapaz era usuário de droga e acredita que ele estava ameaçado de morte.