O ex-presidiário Sebastião Firmino Mendes, 48 anos, conhecido como “Tião”, foi assassinado com pelo menos cinco tiros, por volta das 21h de ontem. O crime aconteceu em um bar da Rua Otacílio Rodrigues de Oliveira, na Vila Progresso, Cidade Industrial.

Segundo testemunhas, “Tião” tomava cerveja com alguns amigos quando dois homens chegaram ao estabelecimento e efetuaram os disparos. Ele ficou caído na porta do bar e morreu alguns minutos depois.

De acordo com Alzicleia, ex-mulher de “Tião”, ele estava em liberdade há quatro meses, depois de ter passado alguns anos na cadeia, por tráfico de drogas. Ela disse que o homem já havia sido preso também por porte de moeda falsa. “Não sei o motivo da morte, já estávamos separados. Mas pode ser que seja por estar novamente envolvido com o tráfico de drogas”, comentou a mulher. “Tião” era pai de três filhos e morava próximo ao bar.