A ação rápida dos investigadores do Grupo de Diligências Especiais (GDE) da 15.ª Subdivisão Policial de Cascavel resultou na recuperação de uma grande quantidade de roupas furtadas e na prisão em flagrante de um comerciante.

As roupas haviam sido furtadas de uma loja no Bairro Floresta, região norte de Cascavel, inaugurada há uma semana. O proprietário do estabelecimento que foi por ladrões na madrugada de 14 de junho avaliou o prejuízo em aproximadamente R$ 100 mil.

Segundo informou o delegado Luis Rogério Sodré, uma informação anônima recebida via 197 colaborou para o desfecho rápido da investigação. “Uma equipe já havia sido mobilizada para trabalhar no caso, porém ao receberem a informação, os investigadores em poucos minutos localizaram os produtos furtados e prenderam o suposto receptador”, explica o delegado.

O comerciante Lindomar José Ximim, 31, também proprietário de uma loja de roupas, foi preso em flagrante acusado de receptação. Na casa dele os policiais encontraram a mercadoria.

Lindomar afirmou que comprou as roupas por R$ 7 mil, no entanto, a polícia ainda investiga se ele teve participação direta no arrombamento ao estabelecimento comercial. A prisão do comerciante ocorreu menos de 12 horas após a invasão e furto ocorrido na loja recentemente inaugurada.